Uma das principais preocupações com a saúde ocular no inverno é a conjuntivite.

Uma das principais preocupações com a saúde ocular no inverno é a conjuntivite.

No frio, a concentração de pessoas em locais fechados aumenta, o que favorece a reprodução de micro-organismos capazes de causar doenças oculares como a conjuntivite e tornar o ambiente propício para a transmissão da mesma. Olhos vermelhos, irritação e ardência são os sintomas mais comuns para quem está com conjuntivite, assim como sensação de corpo estranho, pálpebras inchadas, fotofobia, lacrimejamento, coceira e secreção ao redor dos olhos.

Contrair conjuntivite independe do sistema imunológico e é sempre um desconforto que gera impactos na vida social e no ambiente de trabalho.

Para prevenir, o ideal é que sejam mantidos hábitos de higiene adequados e seguir os devidos cuidados, como: lavar sempre as mãos, não colocar as mãos nos olhos e manter o ambiente sempre arejado, livre de poeiras e ácaros.

E se, mesmo tomando cuidados, a conjuntivite aparecer, procure um oftalmologista para orientá-lo! Nunca use colírios ou outros tratamentos nos olhos sem a prescrição do médico.